Confira as principais dicas de harmonização de vinhos para comidas asiáticas, principalmente as mais picantes, e veja também diversos conteúdos sobre bebidas e culinária.

Harmonizar um vinho com comidas asiáticas, que geralmente são mais apimentadas e condimentadas, pode parecer uma tarefa nada fácil, mas com nossas dicas você pode acertar em cheio e impressionar seus convidados. Confira:

comidas picantes

Vinhos para harmonizar comidas picantes e asiáticas

·         Espumantes

Os vinhos espumantes, geralmente, são aqueles considerados mais versáteis e fáceis de harmonizar com a comida, seja uma entrada, prato principal ou até mesmo sobremesa. Os espumantes são refrescantes, e essa característica os torna perfeitos para muitas comidas tailandesas e indianas, principalmente se tratar-se de um espumante seco.

Os espumantes combinam com curry, caldos, frituras, peixe frito ou assado, além de outros pratos gordurosos. Os espumantes de tipo nature agem como um limpador para o paladar devido sua acidez, secura e tom cítrico. Não destoam da comida, ajudam a suavizar a pimenta e deixam o paladar pronto para o próximo prato.

·         Brancos

Os pratos asiáticos mais delicados, como os japoneses (sushis e sashimis) pedem por vinhos leves, que não causem contraste entre os sabores. Os espumantes secos podem ser uma boa pedida, porém vários vinhos brancos também são excelentes combinações. Aqui podemos citar Sauvignon Blanc, Chardonnay e Torrontés.

No caso de pratos mais condimentados, a acidez do vinho branco lida muito bem com o teor picante dos alimentos, causando alivio no paladar. Nesse caso, os tipos mais encorpados combinam melhor, como Gewurztraminer, Riesling alemão, Chardonnay uruguayo e Pinot Grigio.

·         Rosés

Os vinhos rosés combinam perfeitamente com a comida asiática. Esse gênero de vinho conta com menos tanino, são mais leves e sutis, menos ácidos que os brancos, mais frutados e harmoniosos, conferindo riqueza à combinação.

Podem ser harmonizados com peixe, seja frito, grelhado ou assado, e combinam também com arroz e curry (não tão apimentado). Entre os rótulos mais indicados estão os das regiões de Provence, Vale do Loire, Languedoc, na França, e de São Jacquim, em Santa Catarina.

·         Laranjas

Os vinhos laranjas são confeccionados a partir de uvas brancas, porém produzidos como se fossem tintos. Aqui, a casca da uva permanece em contato por mais tempo com o mosto. O processo gera uma cor que vai do dourado ao cobre. Eles permanecem um período em ânforas de barro (técnica de produção antiga), e por isso são considerados mais concentrados e estruturados.

São bebidas muito aromáticas, que levam um toque de especiarias e florais, e suportam bem as comidas mais fortes, carregadas de curry e molho agridoce, como carne suína ou cordeiro grelhado, por exemplo.

Entre as principais recomendações podemos citar os vinhos laranjas do Vale do Itata, no Chile, e o Ribolla do Friuli, na Itália.

·         Tintos

Os vinhos tintos, como vinho do porto ou vinho português, são mais difíceis de harmonizar com a comida asiática. Os tintos podem “abafar” os pratos mais delicados, como é o caso da comida japonesa (sushis e sashimis), ou então potencializar o tom picante dos preparos mais condimentados.

O tanino presente nesse tipo de vinho também confere um gosto metalizado à comida. A dica é apostar em vinhos mais leves, como Pinot Noir e Syrah e com pouca barrica de carvalho.

Confira os melhores conteúdos sobre culinária e harmonização de vinhos

O site da Eno Gourmet Premium está repleto de matérias para complementar seus conhecimentos acerca da harmonização de vinhos e pratos dos mais diversos tipos e gostos. Encontre diversas dicas referentes ao vinho português e muitos outros tipos.

Navegue pelo site e confira!

Saiba mais

Agora que você já sabe os vinhos que harmonizam com comidas picantes e asiáticas, que tal saber como conservar o vinho depois de aberto?

Conheça mais sobre o mundo da enologia no Eno Gourmet Premium, um dos melhores blogs de culinária típica portuguesa e aproveite para comprar vinho online.